Ervas

Capuchinha: 8 Benefícios, Informação Nutricional, Receitas e Malefícios

Capuchinha: 8 benefícios, informação nutricional, receitas e malefícios

A capuchinha é uma planta medicinal que se destaca especialmente pela sua poderosa ação como agente antimicrobiano, por isso é eficaz para tratar internamente quaisquer infecções respiratórias, como bronquite,

Além disso, esta planta também possui propriedades que ajudam a combater o catarro, gripe ou resfriados.

capuchinha
capuchinha

Portanto nós aqui do site horta em casa selecionamos algumas informações importantíssimas sobre a Capuchinha: 8 benefícios, informação nutricional, receitas e malefícios!

O que é a capuchinha?  

o que e capuchinha
o que é capuchinha

A capuchinha é uma planta medicinal que pertence à família das ” Tropaeoláceas”, comumente também conhecida por outros nomes como agrião-do-méxico, chagas, coleária-dos-jardins, flor-de-chagas, flor-de-sangue, mastruço e nastúrcio.

Seu nome científico é ” Tropaeolum majus”, e é reconhecida como uma planta ou erva comestível. Contém propriedades antioxidantes, cardiotônicas, diuréticas, expectorantes, balsâmicas e antimicrobianas.

Além disso, entre seus ingredientes ativos mais importantes podemos citar, acima de tudo, a presença de vitamina C, substâncias antibacterianas, flavonoides (encontrados em suas folhas), carotenoides (encontrados em suas flores) e glucosinolatos.

Benefícios da capuchinha:

Conheça os principais benefícios desta planta para a sua vida e entenda porque você deve adicionar essa maravilha nutricional à sua rotina alimentar.

benefícios da capuchinha
benefícios da capuchinha

1. Cura lesões:

A capuchinha aplicada na forma de um cataplasma tem uma ampla gama de aplicações em situações de lesão, seja para tratar traumas e contusões, seja para desinfetar e curar feridas.

2. Auxilia no tratamento de cabelo:

Utilizada externamente na forma de shampoo, além disso, esta planta é um ótimo remédio contra a caspa e boa proteção para o couro cabeludo.

3. Contra catarros:

A infusão de capuchinha é muito eficaz no tratamento do catarro nasal e brônquico, bem como na prevenção de infecções causadas por bactérias.

4. Trata a bronquite:

Além disso, beber várias xícaras por dia de infusão de flores dessa planta é um excelente remédio natural para acabar com a bronquite, com efeitos imediatos.

5. Rica em compostos antioxidantes: 

No entanto, esta planta contém glucotropalloside (também presente em vegetais como repolho) que tem propriedades antioxidantes e cardiotônicas, flavonoides (presente em suas folhas e flores), carotenoides e vitamina C, entre outros componentes.

6. É diurética:

Seu conteúdo de flavonoides confere propriedades diuréticas que ajudam a combater infecções do trato urinário.

7. Fonte de vitamina C:

As folhas são ricas em vitamina C, que, juntamente com suas propriedades antibióticas, a tornam adequada para o tratamento de infecções do trato respiratório, como bronquite, e estimula a rápida recuperação da gripe.

Além disso, possui propriedades expetorantes que ajudam a eliminar o muco dos pulmões, algo muito comum quando estamos resfriados.

8. Baixa a pressão arterial:

Nos casos de hipertensão, ajuda a baixar a pressão arterial e também favorece o funcionamento correto do coração.

Veja neste vídeo mais benefícios da capuchinha:

Receita de chá de capuchinha:

receita de cha de capuchinha
receita de chá de capuchinha

Etapas:

  1. Em primeiro lugar, pegue 3 folhas de capuchinha em pedaços.
  2. Em seguida, coloque em 1 xícara de água e deixe ferver.
  3. Quando a infusão estiver pronta tome 2 a 3 xícaras por dia.

Efeitos Colaterais e Contraindicações:

capuchinha
capuchinha

Se for usada internamente, dentro das quantidades e doses recomendadas pelos profissionais da área, essa planta não é prejudicial. No entanto, se ingerida sem controle e sem tomar as devidas precauções, pode se tornar tóxica.

A capuchinha é contraindicada nos seguintes casos: 

  • Em caso de sofrer de úlceras gastrointestinais.
  • Problemas renais.
  • Cólon irritável.
  • Doença de Crohn.
  • Em caso de gravidez.
  • Durante a amamentação

O Site horta em casa agradece por poder informar e formar pessoas em conhecimento sobre as diversidades dos alimentos (frutas, legumes, etc.) e de como plantá-los.

Além disso, espero que tenha gostado de nosso artigo de hoje, Capuchinha: 8 Benefícios, Informação Nutricional, Receitas e Malefícios

E se você é uma daquelas pessoas que amam esta planta confira nosso outro artigo que ensina Como Plantar Sementes de Capuchinha na Horta.

Alan costa

Sou formado em Botânica e Ciências das Plantas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, sou um amante da vida natural, é focado em sempre levar boas informações aos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *