Vegetais

Couve-de-Bruxelas: 9 Benefícios, Informação Nutricional, Receitas e Malefícios

Couve-de-Bruxelas: 9 Benefícios, Informação Nutricional, Receitas e Malefícios

Couves de Bruxelas são vegetais verdes folhosos nativo da Roma antiga. Como você deve ter adivinhado, eles foram originalmente desenvolvidos em Bruxelas e, portanto, esse nome. Agora é cultivado em muitas partes do mundo.

Portanto nós aqui do site horta em casa selecionamos algumas informações importantíssimas sobre os 9 Benefícios da Couve-de-Bruxelas, Informação Nutricional, Receitas e Malefícios.

O que é a Couve-de-Bruxelas?

Couve-de-Bruxelas
Couve-de-Bruxelas

Couve de Bruxelas cujo nome cientifico é Brassica oleracea, é um vegetal pertencente à família botânica da Brassicacea, assim como brócolis ou couve-flor. Em alguns lugares as couves de Bruxelas são chamadas também de brotos.

A couve de Bruxelas é bastante nutritiva e fornece uma grande quantidade de nutrientes necessários para manter o nosso corpo saudável, tais como vitaminas, minerais e fibras.

Além disso, a couve-de-bruxelas possui em sua composição outras substâncias que fornece algumas propriedades e benefícios muito interessantes, que ajudam a prevenir diferentes tipos de doenças.

Couves de Bruxelas se assemelham ao repolho em miniatura. Elas são geralmente verdes e podem chegar a medir 2,5 a 5 cm de diâmetro. É cultivada ao longo de zonas costeiras, onde a temperatura varia de 45 a 75 ºF.

Couve-de-Bruxelas contêm uma boa quantidade de vitamina C e vitamina K e quantidades moderadas de vitamina B (incluindo vitamina B6 e ácido fólico).

A planta também contém sais minerais essenciais e uma pequena quantidade de fibra dietética. Couve-de- Bruxelas contêm compostos de enxofre, que são potencialmente ofensivas e ativam as enzimas no corpo. Os compostos em broto de Bruxelas têm a capacidade de quebrar as toxinas do corpo e eventualmente removê-las.

Valor Nutricional da Couve-de-Bruxelas:

Couve-de-Bruxelas
Couve-de-Bruxelas

A Couve-de-Bruxelas é uma fonte de muitos nutrientes benéficos para a saúde em geral, veja qual a quantidade de cada nutriente que você poderá está ingerindo ao consumir 100 gramas de Couve-de-Bruxelas.

  • Proteínas: 2,55 g
  • Gordura: 0,11 g
  • Ácidos graxos saturados: 0,0273 g
  • Carboidratos: g 6,69
  • Fibra: 3,2 g
  • Vitamina: B1 0,05 mg
  • Vitamina: B2 0,06 mg
  • Vitamina: B3 0,72 mg
  • Vitamina: B5 0,27 mg
  • Vitamina: B6 0,06 mg
  • Vitamina: C 58,2 mg
  • Vitamina: E 0,9 mg
  • Cálcio: 36,2 mg
  • Ferro: 0,1 mg
  • Magnésio: 16,9 mg
  • Fósforo: 65 mg
  • Potássio: 324 mg

Benefícios da Couve-de-Bruxelas:

Conheça os principais benefícios da Couve-de-Bruxelas para a sua vida e entenda porque você deve adicionar essa maravilha nutricional à sua rotina alimentar.

1. Trata Anemia:

Couves de Bruxelas são ricas em ferro. Este mineral essencial juntamente com a vitamina B6  ajudam na produção de células vermelhas, isso contribui para a prevenção e tratamento de anemia.

2. Promove a Saúde Dental e Óssea:

Couve de Bruxelas contêm quantidade significativas de cálcio. Esse mineral ajuda a manter uma maior densidade óssea e melhorar a saúde dental.

3. Boa para o Coração:

A couve-de-bruxelas contém propriedades que ajudam na prevenção de problemas cardiovasculares, além disso, é rica em potássio, um eletrólito que ajuda no relaxamento dos vasos sanguíneos, assim como também auxilia no controle da pressão arterial.

A planta ainda contém fibras, que dentre muitas outras coisas, ajudam na absorção de níveis de colesterol LDL do sangue, o excesso desse pode afetar drasticamente a saúde do coração.

4. Ajuda na Prevenção do Câncer:

Benefícios da Couve-de-Bruxelas
Benefícios da Couve-de-Bruxelas

Câncer é uma das doenças mais mortais que afligem a humanidade. Como alguns outros ingredientes naturais, couve de Bruxelas também desempenha um papel no tratamento do câncer.

Este vegetal que pertence à família do repolho e brócolis, ambos excelentes antioxidantes, também ajuda no combate aos radicais livres que favorecem a presença da doença.

5. Melhora a saúde do sistema digestivo:

Couve de Bruxelas contêm glutamina. Glutamina ajuda na reparação da úlcera, é desintoxicante, cura e regenera. Essa planta pode ser usada para fins terapêuticos, basta que faça a ingestão do suco de couve-de-bruxelas três vezes ao dia, sendo que inicialmente deve bebê-lo no café da manhã.

6. Aumenta a Energia:

A couve-de-bruxelas é um impulsionador de energia natural. Os ricos nutrientes e enzimas que são encontradas na planta fornecem o impulso de energia imediato ao corpo. Também ajudam a tratar a fadiga e  a fraqueza.

7. Melhora a Saúde do Cólon:

A couve de Bruxelas têm propriedades anti-inflamatórias, que impedem a inflamação e algumas condições intestinais crônicas. Além disso, as fibras dietéticas presentes na planta também ajudam nos movimentos intestinais normais e regulares.

8. Sistema Imunológico:

Couve de Bruxelas contêm um composto chamado histidina. Este é úteil no tratamento de algumas alergias e na regulação de células T do sistema imunológico.

9. Ajuda na Perda de Peso:

Esse deve ser um dos vegetais preferidos daqueles que estão buscando perder peso. Pois possui baixa calorias, é rico em proteínas, sendo ideal para incluir em uma dieta de perda de peso. Os nutrientes presentes na couve-de-bruxelas mantém seu corpo saciado, diminuindo seus desejos.

Confira no vídeo outros Benefícios da Couve-de-Bruxelas para Saúde!

Efeitos Colaterais e Contraindicações da Couve-de-Bruxelas:

Apensar dos muitos beneficios a couve-de-bruxelas também possui suas contraindicações. Por exemplo, devido seu rico teor de vitamina K, pessoas que tomam medicamentos anticoagulante devem procurar auxilio de um profissional de saúde, para saber se podem ou não fazer uso da planta.

Um destes medicamentos consiste na varfarina, que inibe certos fatores de coagulação dependentes de vitamina K. Além disso, o consumo excessivo de couve-de-bruxelas pode causar gases.

O Site horta em casa agradece por poder informar e formar pessoas em conhecimento sobre as diversidades dos alimentos (frutas, legumes, etc.) e de como plantá-los, além disso, espero que tenha gostado de nosso artigo de hoje, Couve-de-Bruxelas: Para que Serve, Benefícios e Malefícios! E se você é uma daquelas pessoas que amam Couve-de-Bruxelas confira nosso outro artigo que ensina Como Plantar Couve-de-Bruxelas em Casa.

Alan costa

Sou formado em Botânica e Ciências das Plantas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, sou um amante da vida natural, é focado em sempre levar boas informações aos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *