Como plantar

Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina

Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina

Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina de firma simples e bem prático para planta crescer saudável e não morrer, é raro o pomar, jardim ou horta que não abriga algumas plantas cítricas.

Além disso, as frutas cítricas são muito conhecida pelo seu amplo teor de vitamina C, que foi muito necessária na época das grandes navegações para combater infecção como o escorbuto, atualmente se sabe, que essa é uma das vitaminas fundamentais para manter a saúde do ser humano, já que atua diretamente no fortalecimento do sistema imunológico.

Portanto, nós aqui do site horta em casa selecionamos algumas informações importantíssimas sobre Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina e ressaltamos que, depois de saber dessas informações e aplica-las você não terá mais problemas com sua plantação de frutas cítricas.

Um dos motivos de grande preocupação das pessoas que faz o cultivo de plantas como limão, laranja e tangerina é como cuidar desse tipo de planta, porque tais pessoas geralmente não sabem como podá-las, e as plantas muitas vezes ficam desalinhadas, com ramos secos e quebrados, troncos podres, com folhas amarelas, etc.

Hoje o nosso site horta em casa falará sobre Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina, bem como o momento ideal para realizar a poda.

Compra e Primeiros Anos de Vida da Planta: 

Limão
Limão

No viveiro, a muda terá embotado e, quando você a comprar, ela virá com alguns galhos. Nesse sentido, no ato da compra, verifique se as mudas que você está adquirindo são saudáveis, vigorosas, nascem de diferentes pontos do tronco, se encontram separadas uma das outras e se possuem as raízes bem fixadas ao solo do recipiente em que foram cultivadas.

Além disso, também é muito importante para o desenvolvimento futuro da árvore, evitar a compra de uma muda cheia de hormônio.

Outro ponto que você deve levar em consideração ao comprar suas mudas em viveiros, é se há a presença de flores e até frutas, mesmo que seja jovem.

Pois isso é um grande erro. Uma planta de limoeiro, laranjeira ou de tangerina não dá flores naturalmente até os três anos de idade e os primeiros devem ser retirados. Portanto, se a planta que estiver no viveiro for jovem e carrega flores e frutos evidentemente foi aplicado hormônio nessa planta.

Pé de Tangerina
Pé de Tangerina

Além disso, muitas pessoas são impaciente e procuram comprar as plantas que fornecem frutos o mais rápido possível, sendo assim, compram tudo que lhes é oferecido e isso é um grande erro. Pense que você está adquirindo uma planta frutífera que irá viver anos e anos, nesse caso ela deve ser um exemplo e produzir frutos saudáveis.

As frutas cítricas não são podadas até três anos após o plantio, de modo que, nos próximos dois anos, nos limitaremos a eliminar os ventosos ou galhos de crescimento vertical que aparecerem. Após esse tempo, começaremos a treinar a poda.

1. Poda de Treinamento: 

O objetivo desta poda é formar uma boa árvore, com uma estrutura sólida.

Poda de Treinamento
Poda de Treinamento

2. Primeiro ano:

A muda adquirida deve ter cerca de 50 ou 60 cm do chão (se não a tivermos comprado dessa forma). Até o terceiro ano, como dissemos antes, a planta não será podada. Apenas os pequenos galhos que podem aparecer são eliminadas no terceiro ano, entre janeiro e fevereiro :

Para realizar a poda, escolha três ramos principais, que tenham muito vigor, sejam bem posicionados e que nascem em diferentes pontos do tronco, além disso, eles devem ser separados a cerca de 10 cm um do outro.

É importante não deixar dois ramos que nascem do mesmo ponto. Estes ramos escolhidos serão os principais ou primários e você deve deixá-los intactos. Elimine os outros, pois eles podem competir com os ramos principais.

3. Durante o resto do terceiro ano:


Corte os galhos e brotos que brotam dos ramos primários para o interior da árvore à medida que emergem, deixando-os com cerca de 20 cm de comprimento. Dessa forma, você já estará formando futuros botões de flores, mantendo o centro limpo e evitando que a árvore gaste energia desnecessária.

Nesse caso lembre-se, 1,2,3 são os principais ramos, sendo assim:

A _ São as ventosas e ramos mal direcionados, que devem ser completamente eliminados;

B _ são galhos e brotos do interior que são fixados a 20cm e

C _ É o corte de retorno para reduzir o comprimento de um ramo sem cortar a circulação da seiva.

Quando neste terceiro ano aparecerem as primeiras flores e frutos, é melhor eliminá-los para que a árvore concentre seus recursos na formação de um bom tronco e de boas raízes. Você tem que fazer um esforço real para descartar os frutos, mas de acordo com os especialistas, é o melhor a fazer.

4. No quarto ano:

Os ramos primários que permaneceram intactos no ano anterior são cortados e deixados entre 50 e 80cm de comprimento, de modo que a partir desses irá nascer os ramos secundários que formarão o segundo andar da árvore.

Caso os galhos internos continuarem a crescer, apare, como foi feito no ano anterior. Se houver um brotamento muito abundante, que é muito natural e frequente nas plantas de frutas cítricas, especialmente em tangerinas, faça a remoção de alguns ramos.

Os brotamentos do lado de fora da árvore, horizontais ou inclinadas não precisam ser removidos. No entanto, remova todas as ramificações que podem competir por seiva ou luz com os ramos principais.

A partir daqui começa a poda de frutificação, além disso, fique sabendo que isso deverá ser feito todos os anos.

Poda de Frutificação e Manutenção: 

Como Podar Planta de Laranjeira
Como Podar Planta de Laranjeira

O objetivo é obter pontos de frutificação distribuídos por toda a árvore, pois a tendência natural das plantas de frutas cítricas é produzir a fruta na periferia, formando no seu interior  uma folhagem muito densa que não deixa entrar a luz.

Essa poda pode ser feita em qualquer época do ano, desde que as árvores estejam sadias e você realize poda leve. Evite fazer a poda em épocas de grande geada ou calor intenso

O momento ideal, no entanto, é depois da colheita e antes da primavera e do verão, em janeiro-fevereiro e junho-julho.

A poda irá consistir na supressão de ramos mortos ou feridos e também na eliminação de ramos extraviado: aqueles que atravessam ou vão em direção ao centro da árvore.

Elimine o excesso de galhos jovens. Contudo, o fim dos galhos ou guias deve ser conservado, mas se dois ou três brotos nascerem nele, todos, exceto um (o melhor localizado), são eliminados  para que o galho não diminua seu tamanho. Além disso, remova os galhos velhos que já deram frutos.

Como Podar Planta de Limoeiro
Como Podar Planta de Limoeiro

E ainda, prenda ou apare os brotos internos mais vigorosos, deixando-os com 20 cm de comprimento. Os brotos devem ser eliminados, exceto os que sejam adequados para a estrutura da árvore. Se em algum momento nascem vários ramos, remova deixando apenas um.

Se chegar um momento em que os galhos principais se tornam muito longos e você quer reduzi-los para manter a planta de um tamanho manejável, corte os galhos em um local onde outro bem colocado possa nascer, de modo que seja o fim do galho.

Então a seiva será desviada por ela e pode continuar circulando. Em geral, se uma árvore é vigorosa, a poda deve ser leve.

Se a árvore tiver pouco vigor, a poda será mais severa, os brotos fracos serão moderadamente podados e os mais fortes severamente.

Como Podar Planta Doente
Como Podar Planta Doente

Se for de médio vigor, a poda será de média intensidade, os brotos fracos são podados com intensidade média e os vigorosos com severidade.

As árvores verdadeiras, aquelas que dão muitos frutos em um ano e pouco ou nada no próximo, devem ser podadas vigorosamente no ano em que elas colocarão fruto e também no ano em que os frutos não estão vigorosos. O ano que não corresponde a frutificação da planta faça a poda muito levemente.

Poda de Rejuvenescimento: 

poda de rejuvenescimento
poda de rejuvenescimento

O tempo apropriado para este tipo de poda é na primavera ou o outono, quando não há temperaturas extremas ou grandes oscilações entre as temperaturas diurna e noturna.

O objetivo é renovar uma árvore antiga ou que não tenha sido podada, mas que seja saudável, porque, se não for, a poda não tem propósito. Nesse caso, é melhor arrancá-la e plantar uma nova planta.

Dois procedimentos diferentes podem ser seguidos:

A poda é praticada de forma bastante drástica, abaixando os ramos principais acima de seu primeiro galho. Para cada ramo principal, deve haver um ramo secundário que, por sua vez, pode ser encurtado.

A planta não pode ser deixada sem nenhum ramo, porque não terá folhas com as quais fabricar as substâncias de que a planta necessita, sendo assim ela morrerá.

Esta poda deve ser acompanhada de fertilização abundante e irrigação. O outro sistema, aplicado na América do Norte, consiste em suprimir todas as ramificações com diâmetro menor que 2,5 cm.

Recomendações: 

Sempre que eliminar os ramos, corte a partir de sua base, sem deixar troncos, ou seja, faça um corte limpo. Além disso, desinfete e cubra as feridas com produtos de cura.

Veja no Vídeo mais Detalhes de Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina! 

O Site horta em casa agradece por poder informar e formar pessoas em conhecimento sobre as diversidades dos alimentos (frutas, legumes, etc.) e de como plantá-los.

Além disso, espero que coloque em prática tudo que você aprendeu nesse artigo que ensina Como Podar Planta de Limão, Laranja e Tangerina.

Alan costa

Sou formado em Botânica e Ciências das Plantas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, sou um amante da vida natural, é focado em sempre levar boas informações aos leitores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar